Baixe o PDF aqui!

 

Indesistível

 

A Bíblia retrata atitudes de homens e mulheres simples que em determinado momento em suas vidas se depararam com situações que aos olhos do homem natural não poderiam prosseguir, em virtude da dimensão da adversidade, a qual parece ser gigantesca e indestrutível. Contudo, esses mesmos homens decidiram prosseguir e serem indesistíveis, por levarem em suas aljavas apenas a fé e a determinação de prosseguirem confiando na Palavra de Deus.

 

O salmo 27:1-3, retrata o posicionamento de Davi em meio as adversidades:

“O SENHOR é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O SENHOR é a força da minha vida; de quem me recearei? Quando os malvados, meus adversários e meus inimigos, se chegaram contra mim, para comerem as minhas carnes, tropeçaram e caíram. Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria; ainda que a guerra se levantasse contra mim, nisto confiaria.” (Salmos 27:1-3)

 

Ser indesistível é confiar que nas mãos de Adonai estão determinados o “sim e o amém” e que ninguém poderá tirar um só dia sem que haja a permissão dEle, quanto mais atingir a nossa vida. Precisamos trazer para a nossa memória que nas mãos de Yahwer, o Senhor, estão o nosso passado, presente e futuro e que aquele que O ama, certamente obedecerá a Sua Palavra, e como recompensa contará com a proteção do Eterno. Para esses, a palavra do apóstolo Paulo se torna um cântico de exaltação ao Deus que protege sempre seus filhos.

 

“Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós?”(Romanos 8:31)

 

Os indesistíveis não ignoram o poder da força do mal, mas decidem proclamar que ainda que um exército os cerquem, jamis se entregariam ao temor.

Mas qual é o segredo dos indesistíveis?

 

  1. Procura habitar na casa do Senhor todos os dias;
  2. Procura não desviar seu olhar da Palavra de Deus;
  3. Mantém seus ouvidos atentos a voz do Eterno.

 

“Porque no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no oculto do seu tabernáculo me esconderá; pôr-me-á sobre uma rocha. Também agora a minha cabeça será exaltada sobre os meus inimigos que estão em redor de mim; por isso oferecerei sacrifício de júbilo no seu tabernáculo; cantarei, sim, cantarei louvores ao Senhor.” (Salmo 27.5-6)

 

O outro segredo dos indesistiveis está no fato deles serem constantes oracão .

 

“Ouve, Senhor, a minha voz quando clamo; tem também piedade de mim, e responde-me. Quando tu disseste: Buscai o meu rosto; o meu coração disse a ti: O teu rosto, Senhor, buscarei. Não escondas de mim a tua face, não rejeites ao teu servo com ira; tu foste a minha ajuda, não me deixes nem me desampares, ó Deus da minha salvação. Porque, quando meu pai e minha mãe me desampararem, o Senhor me recolherá. Ensina-me, Senhor, o teu caminho, e guia-me pela vereda direita, por causa dos meus inimigos. Não me entregues à vontade dos meus adversários; pois se levantaram falsas testemunhas contra mim, e os que respiram crueldade. Pereceria sem dúvida, se não cresse que veria a bondade do Senhor na terra dos viventes. Espera no Senhor, anima-te, e ele fortalecerá o teu coração; espera, pois, no Senhor.” (Salmo 27.7-14)

 

Portanto, ser indesistível é acatar o chamado de Adonai para viver em constante oração, em arrependimento e confissão de pecados. É fazer dEle o único Deus e confessar publicamente que Jesus é o Caminho, é a Verdade e a Vida. Ser indesistível é não fazer atalhos para chegar a Deus, mas entrar com confiança por meio da fé no lugar Santíssimo para receber o perdão, a Graça e a Misericórdia.

 

“Pela fé Moisés, já nascido, foi escondido três meses por seus pais, porque viram que era um menino formoso; e não temeram o mandamento do rei. Pela fé Moisés, sendo já grande, recusou ser chamado filho da filha de Faraó.”  (Hebreus -11.23-24)

 

 

Apóstolos Valdemir e Margareth Carneiro

Deixe uma resposta