13jul 2017

Baixe o PDF aqui!

 

Indesistível

 

A Bíblia retrata atitudes de homens e mulheres simples que em determinado momento em suas vidas se depararam com situações que aos olhos do homem natural não poderiam prosseguir, em virtude da dimensão da adversidade, a qual parece ser gigantesca e indestrutível. Contudo, esses mesmos homens decidiram prosseguir e serem indesistíveis, por levarem em suas aljavas apenas a fé e a determinação de prosseguirem confiando na Palavra de Deus.

 

O salmo 27:1-3, retrata o posicionamento de Davi em meio as adversidades:

Continue lendo

04jul 2017

Baixe o PDF Aqui!

 

APROVADO NO TESTE DA FIDELIDADE

 

A Bíblia registra o chamado de um homem que iria ser o responsável pelo processo de libertação do povo Hebreu da opressão de Faraó. Esse homem precisava ser determinado, destemido, focado no objetivo, mas acima dessas qualidades deveria ser fiel a quem O chamou, fiel a missão, fiel ao povo que iria conduzir a Terra da Promessa.

A Moisés foi dado alguns desafios como: tirar as sandálias dos pés para pisar em terra santa, jogar o cajado no chão e ver a transformação dele em serpente e ter que pegar na calda da serpente sem medo de ser ferido por ela; também ir até Faraó para solicitar a liberação do povo para ir ao deserto sacrificar ao Senhor. E em todos esses desafios podemos ver que Moisés foi fiel na atribuição dada a ele.

Continue lendo

15jun 2017

Baixe o PDF aqui!

 

O SEU LOUVOR ESTARÁ CONTINUAMENTE EM MEUS LÁBIOS

 

“O louvor estará sempre” é uma decisão que devemos tomar em nosso coração. É uma decisão por amor ao Soberano e não pelo que Ele pode proporcionar em nossas vidas. E a outra razão de fazer essa declaração deve ser um resultado da confiança em Deus.

Davi nos ensina que em todo tempo devemos louvar a Deus e nesta semana mais uma vez iremos colocar em prática esse ensino. Louvar ao Eterno que vive para sempre. Louvar ao Eterno pela sua bondade e misericórdia, mesmo que os acontecimentos contrariem as nossas expectativas. Louvar ao Senhor por amor, apenas isso.

Continue lendo

06jun 2017

Baixe o PDF aqui!

CANTAR PARA DEUS

Cantar para Deus nos faz bem e proporciona paz e alegria em nosso ser. O povo de Deus vence as guerras externas e internas usando a arma do louvor, que exalta e magnifica o Nome do Eterno. O Salmo 136 é a expressão de um povo que vivenciou inúmeras guerras e passou por muitas dificuldades, porém o louvor era a manifestação da fé e da confiança no Eterno Deus de Israel.

Assim será para as nossas vidas, pois tomaremos o louvor como exemplo a ser aplicado. Cantaremos a essência da natureza de Deus expressada na palavra “misericórdia”. Encheremos o nosso coração com esses atributos divinos: benignidade, paciência, amor, lealdade, fidelidade, graça, favor e longanimidade.

Continue lendo

30maio 2017

Baixe o PDF aqui!

A FONTE DE ALEGRIA

 

Cantar para Deus, bendizer ao Senhor, gloriar-se no Senhor é extrair da fonte da alegria a confinça, o riso, a satisfação, o bem-estar e a motivação para continuar. Deus é a fonte da alegria e da realização que o homem necessita.

 

Bendirei o Senhor o tempo todo! Os meus lábios sempre o louvarão. Minha alma se gloriará no Senhor; ouçam os oprimidos e se alegrem. Proclamem a grandeza do Senhor comigo; juntos exaltemos o seu nome. (Salmos 34:1-3, NVI)

 

Porque estamos sempre dando voltas e não vamos até a fonte? Porque corremos em primeiro lugar a tantos outros lugares para somente depois fazermos uma pausa pequena na fonte? A Bíblia diz que é pela falta de conhecimento do Poder de Deus.

Continue lendo

23maio 2017

Baixe o PDF aqui!

SOU ABENÇOADO

A Bíblia declara que Deus traçou para nós um projeto perfeito segundo a vontade dEle. E que podemos viver esse projeto em meio a tanto caos moral, a tanta violência espalhada por todo o mundo. Mas para estarmos no nível em que o eterno estabeleceu faz-se necessário uma atitude revolucionária: Não se conformar com este mundo.

 

E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12.2)

 

E a orientação bíblica  diz respeito a manter a unidade da fé.

Continue lendo

23mar 2017
Baixe o PDF aqui!

 

PERDÃO

O perdão é uma decisão de fé e uma demonstração de gratidão ao amor de Deus.
É muito bom nos sentirmos perdoados, aceitos e livres de culpas que atormentam o coração e as relações interpessoais. Porém, essa liberdade de alma acontece primeiro de Deus para o homem, e depois do homem para com os seus semelhantes mediante o perdão.
O perdão de Deus para o homem foi manifestado na cruz do calvário através de Jesus. Ele veio para pagar esse preço de condenação e libertar o homem através da justificação pela fé.

“24Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. 26Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador daquele que tem fé em Jesus.” (Rm 3.24,26) Continue lendo

17mar 2017
Baixe o PDF aqui!

VIVER PELA FÉ

“Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.” (1 Coríntios 2:14)

O homem natural não entende o homem espiritual. Por isso as escolhas e decisões que uma pessoa espiritual toma não faz sentido algum para o entendimento de uma pessoa natural. A pessoa tomada por sua razão diferente da espiritual não vê nada além do natural, porém a espiritual discerne as coisas do alto, de Deus. A Bíblia ilustra este entendimento no evangelho de João capítulo 3.1-6. Continue lendo

09mar 2017
Baixe o PDF aqui!

DEUS JULGA TODA A HUMANIDADE

Texto base: Romanos 2
Paulo apresenta os princípios básicos que Deus submete a todos os seres humanos em todos os tempos. Ele julgará conforme a verdade, de acordo com as atitudes, segundo a compreensão de cada indivíduo sobre o que é certo ou errado.
A Deus cabe o julgar quando se trata do procedimento do homem em relação as questões espiritais.
“Portanto, és inescusável quando julgas, ó homem, quem quer que sejas, porque te condenas a ti mesmo naquilo em que julgas a outro; pois tu, que julgas, fazes o mesmo. E bem sabemos que o juízo de Deus é segundo a verdade sobre os que tais coisas fazem.” (Romanos 2:1-2)

Continue lendo

15fev 2017
Baixe o PDF aqui!

QUANDO FAZEMOS JUÍZO A RESPEITO DO ENSINO DA PALAVRA.

“E eles se esqueceram de levar pão e, no barco, não tinham consigo senão um pão.
E ordenou-lhes, dizendo: Olhai, guardai-vos do fermento dos fariseus e do fermento de Herodes. E arrazoavam entre si, dizendo: É porque não temos pão.
E Jesus, conhecendo isto, disse-lhes: Para que arrazoais, que não tendes pão? não considerastes, nem compreendestes ainda? Tendes ainda o vosso coração endurecido?” (Marcos 8.14-17)

Continue lendo

07fev 2017
Baixe o PDF aqui!

UM REINO DIFERENTE

“E ele, assentando-se, chamou os doze e lhes disse: Se alguém quer ser o primeiro, será o último e servo de todos”. (Marcos 9:35)

A Bíblia revela que a dinâmica do Reino de Deus é diferente do reino deste mundo. O Reino de Deus se move nos corações de pessoas desejosas que amam o Senhor com todas suas forças e ao próximo como a si mesmo.

Os discípulos indagaram a Jesus a respeito de quem seria o maior no Reino. Muitas vezes estamos assim, em busca de notoriedade humana, de posição social, de prestígio humano, em vez de buscar agradar a Deus servindo ao próximo.

“Nada façais por partidarismo ou vanglória, mas por humildade, considerando cada um os outros superiores a si mesmo”. (Filipenses 2:3).

Continue lendo

02fev 2017
Baixe o PDF aqui!

QUANDO EU NÃO COMPREENDO.

Leia: Marcos 8.27-38!

O nosso pensamento de sucesso faz referências a vida de bonança, glória e notoriedade diante dos homens. E por pensarmos assim é que em muitos momentos ficamos cheios de conflitos quando passamos por situações consideradas por nós como fracasso.

Foi com essa mentalidade que Pedro chama Jesus em particular e o censura por revelar aos discípulos os diversos sofrimentos que Ele teria que passar. Os discípulos não compreenderam que a glória do Filho de Deus para os homens seria primeiramente seguida de humilhação e dor, para que depois Ele recebesse um Nome que está acima de todos os nomes.

Continue lendo